ORGANIZAÇÕES SOCIAIS: UMA QUESTÃO ATUAL DA POLÍTICA DE SAÚDE NO RIO DE JANEIRO

Debora Holanda Leite Menezes

Resumo


O artigo tem por objetivo analisar a nova configuração da política de saúde no Brasil, em particular no estado e na cidade do Rio de Janeiro, reconhecendo o surgimento das Organizações Sociais e qual tem sido o papel dessas organizações na política públicaem questão. Busca-seassim, superar olhares enviesados e superficiais sobre a discussão dessas organizações, reconhecendo elementos que vão para além da lógica neoliberal, analisando as Organizações Sociais no cenário contemporâneo. O artigo será estruturado da seguinte maneira: apresentação do conceito de política social, da política de saúde e das  Organizações Sociais; e o cenário atual das Organizações Sociais na Saúde no estado e na cidade do Rio de Janejro, e conclusões sobre as Organizações Sociais na agenda atual da saúde. A metodologia utilizada foi revisão bibliográfica e pesquisa documental sobre a política de saúde e as Organizações Sociais. 

 


Palavras-chave


politica de saúde; Organizações Sociais;

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. (Constituição, 1988). Constituição da República Federativa do Brasil. 31.ed. atual. ampl., São Paulo: Saraiva, 2003.

______. Decreto-Lei Nº 200, de 25 de fevereiro de 1967. Dispõe sobre a organização da Administração Federal, estabelece diretrizes para a Reforma Administrativa e dá outras providências. Diário Oficial da União. Brasília, 27 fev. 1967 e retificado no D.O.U. de 17 jul.1967. Disponível em: . Acessado em: 20.04.2016

______. Lei Nº 8.142, de 28 de dezembro de 1990 [1990a]. Dispõe sobre participação na comunidade na gestão do Sistema Único de Saúde e sobre as transferências intergovernamentais de recursos financeiros na área da saúde e dá outras providências. Diário Oficial da União. Brasília, 30 de dezembro de 1990.

______. Lei Nº 8.080, de 19 de setembro de 1990. Dispõe sobre as condições de promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. [Mensagem de Veto]. Diário Oficial da União. Brasília, 20 de setembro de 1990.

BRASIL. Lei nº 9.637, de 15 de maio de 1998. [Conversão da MPv nº 1.648-7, de 1998]. Dispõe sobre a qualificação de entidades como organizações sociais, a criação do Programa Nacional de Publicização, a extinção dos órgãos e entidades que menciona e a absorção de suas atividades por organizações sociais, e dá outras providências. Diário Oficial da União. Brasília,18.5.1998; retificado no DOU 25.5.1998. Disponível em: . Acessado em: 15.04.2016

_______. Lei 8.666, de 21 junho de 1993. Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências. Brasília. Junho de 1993. Disponível: . Acessado em: 15.04.2016

_______. Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000. Estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal e dá outras providências. Brasília, 04. 05.2000. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LCP/Lcp101.htm

Acesso em: 02.04.2016

BRASIL. Ministério da Administração Federal e Reforma do Estado (MARE). Secretaria da Reforma do Estado. Organizações Sociais. 4. ed. rev. Brasília (DF): MARE, 1998 [1998]. (Cadernos MARE de Reforma do Estado, v. 2).

____. Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado. Brasília (DF): MARE, 1995.

BRASIL. Ministério da Administração Federal e Reforma do Estado. Secretaria da Reforma do Estado. Organizações Sociais. Secretaria da Reforma do Estado. Brasília: Ministério da Administração e Reforma do Estado, 1997.

BRASIL. Ministério da Saúde. NOB-SUS 01/96. Brasília, DF: MS, 1996. 34p. Diário Oficial da União. Brasília, 6 nov. 1996, Seç.1, p. 22932. Disponível em: . Acessado em 12.04.2016

CASTRO, J.A. Política Social e Desenvolvimento no Brasil. Economia e Sociedade, Campinas, v. 21, Número Especial, p. 1011-1042, dez. 2012.

CONTREIRAS, H.; MATTA, G.C. Privatização da gestão do sistema municipal de saúde por meio das Organizações Sociais na cidade de São Paulo, Brasil: caracterização e análise da regulação. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 31(2):285-297, fev, 2015. Disponível em:

. Acessado em: 14.04.2016

COSTA, NR, RIBEIRO JM, SILVA PLB. Reforma do Estado e mudança organizacional: um estudo de hospitais públicos. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2000, vol.5, n.2 pp. 427-442. Available from: . Acessado em: 20.04.2016

ISSN 1678-4561. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232000000200015.

DELGADO, Guilherme; JACCOUD, Luciana; NOGUEIRA, Roberto Passos. “Seguridade Social: redefinindo o alcance da cidadania”. IPEA. Políticas sociais: acompanhamento e análise. 20 anos da Constituição Federal. N.17, Volume 1, p. 08-36, [s/d].

FLEURY, Sonia e OUVERNEY, A. Política de Saúde: uma política social. Em: GIOVANELLA, Ligia; ESCOREL, Sarah; LOBATO, Lenaura de Vasconcelos Costa; NORONHA, José Carvalho de e CARVALHO, Antônio Ivo de. Políticas e Sistemas de Saúde no Brasil, p. 25 -55. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2008.

MORONI, J.A. O direito à participação no Governo Lula. In: FLEURY, Sonia e LOBATO, Lenaura (orgs.). Participação, democracia e saúde. RJ:CEBES, 2009, pp 248–269. Disponível em:. Acessado em: 20.04.2016

NOGUEIRA, R.P. O desenvolvimento federativo do SUS e as novas modalidades institucionais de gerência das unidades assistenciais. In SANTOS, N.R., AMARANTE, P.D.C.. Gestão pública e relação público privado na saúde. Rio de Janeiro: Cebes, 2011. p. 24-47

PEREIRA, Potyara. Discussões conceituais sobre política social como política pública e direito de cidadania. In BOSCHETTI, I. et al.. Política Social no capitalismo contemporâneo. 2. ed., São Paulo: Cortez, 2009, p. 87-108

PINHEIRO, I.A.;VIEIRA, L.J.M. Organizações Sociais; Gêneses e Questionamentos – o caso brasileiro. V CONVIBRA – Congresso Virtual Brasileiro de Administração, 2008 Disponível em: . Acessado em: 10.04.2016

PIOLA, S. F. et all. Vinte Anos da Constituição de 1988: o que significaram para a saúde da população brasileira?”. IPEA. Políticas sociais: acompanhamento e análise. 20 anos da Constituição Federal. N.17, Volume 1, p. 97-174, [s/d].

OMS/OPS. Indicador para evaluar la protección social de la salud (caso de Chile). Fondo Nacional de Salud. 2009.

RIO DE JANEIRO. Lei 6.043, de 19 de setembro de 2011. Dispõe sobre a qualificação de entidades sem fins lucrativos como organizações sociais, no âmbito da saúde, mediante contrato de gestão, e dá outras providências. Setembro de 2011. Disponível em: . Acessado em: 12.04.2016

SANO, H.; ABRUCIO, F.L. Promessas e resultados da nova gestão pública no Brasil: o caso das organizações sociais de saúde em São Paulo. RAE (Revista de Administração de Empresas), jul/set, 2008. Disponível em: . Acessado em: 21.04.2016

SANTOS, I.S. Evidência sobre o mix público-privado em países com cobertura duplicada: agravamento das iniquidades e da segmentação em sistemas nacionais de saúde. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, n.6 [cited 2015-06-04], pp. 2743-2752.

Available from: . Acessado em: 17.04.2016

ISSN 1413-8123. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000600013.

SANTOS, W. G. “Cidadania e justiça”. A política social na ordem brasileira. Rio de Janeiro: Campus, 1987.

SÃO PAULO (Estado). Lei Complementar nº 846, de 4 de junho de 1998. Dispõe sobre a qualificação de entidades como organizações sociais e dá outras providências. Diário Oficial do Estado de São Paulo, v. 108, n. 106, 1998.

SILVA, V.M. As Organizações Sociais (OS) e as Fundações Estatais de Direito Privado (FEDP) no Sistema Único de Saúde: aspectos da relação público-privado e os mecanismos de controle. Dissertação apresentada com vistas à obtenção do título de Mestre em Ciências na área de Saúde Pública. Escola Nacional de Saúde Pública, FIOCRUZ, 2012. Disponível em: . Acessado em: 18.04.2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista de Políticas Públicas e Segurança Social

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Núcleo de Estudos e Pesquisas em Políticas Públicas e Segurança Social https://www.nepppss.com/ ISSN 2594-3855 Sobre a Revista Qualis C

 

SSL